PROJETOS

PROJETO 1. DE ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO
 

Apresentação do referido projeto se dará na nova sede da ADEFIS com duração de oito meses trazendo os trabalhos: curso de LIBRAS aos familiares, alfabetização e letramento para os surdos (crianças e adolescentes). No período diurno e noturno.

ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO DO SURDO
 

É preciso alfabetizar e letrar o surdo em Libras, para que adquira habilidades, na escrita do Português e vá além de sua mera decodificação. A Libras simboliza a língua falada, tornando-a objeto de interação espontânea e entendimento, que são os requisitos para capacitar uma pessoa como letrada. A alfabetização da escrita é um processo lento.

ENSINO DE LIBRAS PARA FAMILIARES DE SURDOS 

 

A comunicação é o aspecto fundamental para o individuo poder conviver em sociedade. Grande parte das famílias com alguma pessoa surda, acaba desenvolvendo dentro do seu núcleo familiar uma linguagem própria; Essa linguagem (própria e exclusiva do núcleo familiar) acaba fazendo com que a criança , e posteriormente o adulto, fique limitado em sua integração social, pois os “códigos” utilizados dentro deste núcleo não são reconhecidos pela língua brasileira de sinais- LIBRAS, não facilitando sequer a identidade surda desse individuo dentro da própria comunidade surda.

OFICINA DE TEATRO "VER PARA ESCUTAR". 
 

A oficina é pratica e os exercícios, além de divertidos e desestressantes, ampliam seus limites pessoais e melhoram de forma eficaz a sua comunicação com os outros. A ideia não é mudar você pra acompanhar um modelo que não é seu, mas ajuda-lo a sentir-se a vontade com seu jeito de ser, trazendo-lhes mais confiança. Essa é sua força, que revela sua individualidade e seus talentos naturais.

CURSO PARA MANICURE E PEDICURE 
 

A capacitação da pessoa com deficiência é de suma importância para melhorar não apenas sua renda, mas também sua autoestima, seu convívio social e sua qualidade de vida. Ensinar uma nova oportunidade de trabalho é abrir uma porta para um futuro, muito não observado pela pessoa com deficiência. O curso visa atrair as pessoas não apenas para qualifica-las, mas para inclui-las no convívio social.

PROJETO 2. PROJETO INCLUSÃO
ESPORTIVA

 

O referido projeto se dará no Campo comunitário do “Talavasso”, situado na Rua Francisco Mesquita (Rua 18) com duração de 8 meses desenvolvendo o jogo de futebol inclusivo para os surdos e handebol para os deficientes físicos. Aos domingos das 8h00 as 12h00.

PARCERIA CORINTER e ADEFIS

Teve início das atividades no dia 11 de agosto de 2019


O projeto tem como objetivo desenvolver esportes adaptados em diferentes modalidades a pessoas com deficiência auditiva e surdos , bem como desenvolver as capacidades e habilidades motoras dos participantes; melhorar a aptidão física através do esporte; estimular o desenvolvimento de suas potencialidades e possibilidades; promover o estímulo à independência e autonomia; promover a interação social dos participantes e seus familiares; contribuir na melhora da autoestima e autoconfiança; oportunizar aos acadêmicos a vivência e a experiência no trabalho com deficientes auditivos e com os esportes adaptados, contribuindo para o desenvolvimento profissional dos Intérpretes, aluno estagiários do curso de LIBRAS e professores do CORINTER.

© 2020 por Alef Henrique Garcia.